Direito à alimentação e os direitos da personalidade: da previsão à concretização desse direito sob a perspectiva do acesso à justiça

Dirceu Pereira Siqueira, Mariana Peixoto Espósito, Bruna Caroline Lima de Souza

Resumo


O direito à alimentação figura-se como um direito essencial à vida humana, figurando-se como um direito pluridimensional e, deste modo, refletindo em inúmeros outros direitos importantes à vida das pessoas e a efetivação da dignidade da pessoa humana. Deste modo, o presente artigo visou, de forma ampla, fazer uma análise desse direito dentro do ordenamento jurídico nacional e internacional, dos aspectos que o envolve, dos responsáveis por sua efetivação e das políticas públicas existentes nesse sentido no Brasil, dando ênfase ao Programa de Agricultura Urbana e Periurbana e ao Programa Hortas Comunitárias da Cidade de Maringá/PR, analisando, de maneira especial, quais os efeitos que esse projeto exerce na comunidade no qual ele está inserido e se o mesmo vigora como uma política pública eficaz de concretização do direito à alimentação. Para tanto, a metodologia adotada foi a da revisão bibliográfica de artigos, livros, dissertações e teses sobre o assunto, contidos em plataforma nacional e estrangeira, bem como da pesquisa de campo baseada em entrevista, com o fim de vislumbrar alguns aspectos atinentes as hortas comunitárias de Maringá/PR. Ao final, concluiu-se acerca da importância desse direito e da efetivação do mesmo tanto pelo Estado quanto família e sociedade, bem como que o Programa Hortas Comunitárias vigora como uma política pública eficaz na concretização do direito à alimentação.


Palavras-chave


Direitos sociais; direitos humanos; nutrição; dignidade humana; hortas comunitárias

Texto completo:

PDF

Referências


BARBOSA, Lirana da costa Barbosa. Direito humano à alimentação adequada na Argentina e no Brasil: uma análise comparativa [dissertação]. 2013. 146 f. Dissertação (Mestrado em Direito Agrário) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia/GO, 2013.

BARRETTO, Vicente de Paulo; LAUXEN, Elis Cristina Uhry. A (re)construção da ideia de dignidade humana. Revista Quaestio Iuris, vol.11, n. 01, Rio de Janeiro, p. 67-88, 2018.

BATISTA, Lucimar Moreira Guimarães; RIBEIRO, Sônia Machado Rocha; SANTOS, Ricardo Henrique Silva; ARAÚJO, Raquel Maria Amaral; RIBEIRO, Andreia Queiroz; PRIORE, Sílvia Eloiza; LÚCIA, Ceres Mattos Della; LANA, Rogério de Paula; GASPARONI, Gisely Peron. Percepção de agricultores familiares do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) sobre o significado de fazer parte do PAA e a sua compreensão sobre conceitos relacionados à alimentação, nutrição e saúde. Saúde e Sociedade, São Paulo, v. 25, n.2, p. 494-504, 2016.

BIRKET-SMITH, Kaj. História da Cultura: origem e evolução. 3.ed. Trad. Oscar Mendes. São Paulo: Melhoramentos, 1965.

BOBBIO, Norberto. A era dos Direitos. Rio de Janeiro: Elsevier, 2004.

BONAVIDES, Paulo. Curso de direito constitucional. São Paulo: Malheiros, 1993.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República federativa do Brasil de 1988. Promulgada em 05 de outubro de 1988.

BRASIL. Lei 11.346, de 15 de setembro de 2006. Cria o Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional - SISAN com vistas em assegurar o direito humano à alimentação adequada e dá outras providências.

BRASIL. Lei nº 11.947, de 16 de junho de 2009. Dispõe sobre o atendimento da alimentação escolar e do Programa Dinheiro na Escola aos alunos da educação básica; altera as Leis nº 10.880, de 9 de junho de 2004, 11.273, de 6 de fevereiro de 2006, 11.507, de 20 de julho de 2007; revoga dispositivos da Medida Provisória no 2.178-36, de 24 de agosto de 2001, e a Lei no 8.913, de 12 de julho de 1994; e dá outras providências.

BUCCI, Maria Paula Dallari. O conceito de política pública em direito. In: BUCCI, Maria Paula Dallari (org.). Políticas públicas: reflexões sobre o conceito jurídico. São Paulo: Saraiva, 2006.

CANOTILHO, José Joaquim Gomes. Direito constitucional. Coimbra: Livraria Almedina, 1991.

CLÈVE, Clèmerson Merlin. O controle de constitucionalidade e a efetividade dos direitos fundamentais. In: SAMPAIO, José Adércio Leite. Jurisdição constitucional e direitos fundamentais. Belo Horizonte: Del Rey, 2003.

Declaração Universal dos DireitosHumanos. Assembleia Geral das Nações Unidas em Paris. 10 dez. 1948. Disponível em: https://nacoesunidas.org/wp-content/uploads/2018/10/DUDH.pdf. Acesso em: 25/07/2019.

DIAS, Rafael de Brito. Tecnologia social e desenvolvimento local: reflexões a partir da análise do Programa Um Milhão de Cisternas. Revista Brasileira de Desenvolvimento Regional, v. 1, n. 2, p. 173-189, 2013.

DUSSEL, Enrique. Ética da libertação: na idade da globalização e da exclusão. 2.ed. Petrópolis: Editora Vozes, 2002.

EAGLETON, Terry. A ideia de cultura. Trad. Sandra Castello Branco. São Paulo: Editora UNESP, 2005.

FAZOLI, Carlos Eduardo de Freitas; SILVA, Fernando Henrique Rugno. A tutela interdital: um instrumento para a efetivação dos direitos fundamentais. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas, Bebedouro, v. 2, n. 2, 2014.

FIORAVANTI, Maurizio. Los derechosfundamentales. Apuntes de historia de lasconstituciones. Madrid: Trotta, 1998.

FREIRE JÚNIOR, Américo Bedê. O controle judicial de políticas públicas. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2005.

FREIRIA, Rafael Costa. Noções gerais sobre as interdependências entre direito, gestão e política públicas ambientais. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas, Bebedouro, v. 2, n. 2, 2014.

General Comment Nº. 12: The RighttoAdequateFood (Art. 11).Committee on Economic, Social and Cultural Rights. 12 May 1999.

HEÍDEMANN, Francisco G. Do sonho do progresso às políticas públicas de desenvolvimento. In: HEÍDEMANN, Francisco G.; SALM, José Francisco. Políticas Públicas e desenvolvimento: bases epistemológicas e modelos de análise. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 2009.

JÚNIOR, Diógenes; NOGUEIRA, José Eliaci. Gerações ou dimensões dos direitos fundamentais. Âmbito Jurídico, Rio Grande, XV, n. 100, p. 571-572, 2012.

KAITEL, Cristiane Silva. A efetividade e a elaboração legislativa do direito à alimentação: política pública, educação e gestão participativa [tese]. 2016. 239 f. Tese (Doutorado em Direito) - Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte/MG, 2016.

KELBERT, Fabiana Ockstein. Reserva do possível e a efetividade dos direitos sociais no direito brasileiro. Porto Alegre: Livraria do Advogado Editora, 2011.

LUHMANN, Niklas. El arte de lasociedad. Tradução de Javier Torres Nafarrate. México: Herder, 2005.

MACHADO, Robson Aparecido. A realidade do egresso: plano normativo da lei de execução penal versus reintegração social. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas, Bebedouro, v. 3, n. 1, 2015.

MACIEL, Maria Eunice. Cultura e alimentação ou o que têm a ver os macaquinhos de Koshima com Brillat-Savarin?. Horizontes antropológicos, v. 7, n. 16, p. 145-156, 2001.

MAGALHÃES, Gabriel Gomes Canêdo Vieira de Magalhães. Direito fundamental social à alimentação e a sua efetivação pelo poder judiciário [dissertação]. 2012. Dissertação (Mestrado em Direito Público)- Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia/MG, 2012.

MALISKA, Marcos Augusto. A concretização dos direitos fundamentais no Estado democrático de direito. Reflexões sobre a complexidade do tema e o papel da jurisdição constitucional. In: CLÈVE, Clèmerson Merlin; SARLET, Ingo Wolfgang; PAGLIARINI, Alexandre Coutinho (Coords.). Direitos Humanos e democracia. Rio de Janeiro: Forense, 2007.

MARINGÁ. Lei Municipal nº 8.423, de 14 de agosto de 2009. Oficializa o Programa “Maringá Saúdavel” e o grupo de trabalho intersetorial e dá outras providências.

MARINGÁ. Lei Municipal nº 5.328, de 22 de dezembro de 2000. Autoriza o poder executivo à instituir o Programa Hortas Comunitárias.

MESSETTI, Paulo André Stein; DALLARI, Dalmo de Abreu. Human dignity in the light of the Constitution, human rights and bioethics. Journal of Human Growth and Development, v. 28, n. 3, p. 283-289, 2018.

MIRANDA NETTO, Fernando Gama de. Aspectos materiais e processuais do direito fundamental à alimentação. In: SOUZA NETO, Cláudio Pereira de; SARMENTO, Daniel (Coord.). Direitos sociais: fundamentos, judicialização e direitos sociais em espécie. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2010.

NUNES, Rizzato. O princípio constitucional da dignidade da pessoa humana: doutrina e jurisprudência. São Paulo: Saraiva, 2018.

OLIVEIRA, Flávio Luís; FAZOLI, Carlos Eduardo de Freitas. O direito fundamental ao procedimento adequado: o procedimento interdital como garantia de inclusão social. In: ALARCÓN, Pietro de JesúsLora; NUNES, Lydia Neves Bastos Telles. Constituição e inclusão social. Bauru: Edite, 2007.

Pacto Internacional sobre Direitos Econômicos, Sociais e Culturais. Assembleia-Geral das Nações Unidas. 19 dez. 1966.

PÉREZ, Jesus Gonzáles. La dignidade de la persona. Madrid: Civitas, 1986.

PIOVESAN, Flávia. Proteção judicial contra omissões legislativas. Ação direta de inconstitucionalidade por omissão e mandado de injunção. 2.ed. Revista, atualizada e ampliada. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2003.

PISARELLO, Gerardo. Los derechossociales y sus garantias. Elementos para una reconstrucción. Madrid: Editorial Trotta, 2007. Apud: KELBERT, Fabiana Ockstein. Reserva do possível e a efetividade dos direitos sociais no direito brasileiro. Porto Alegre: Livraria do Advogado Editora, 2011.

REGO, Ihgor Jean; JÚNIOR, Luiz Carlos Mucci. Pós-Graduação lato senso e stricto senso: direito fundamental à educação capaz de conduzir a um relevante e renovado inovador Brasil do futuro. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas - Unifafibe. v. 3, n. 1, 2015.

RODRIGUES, Andressa Conterno. As dimensões dos direitos fundamentais e a sua eficácia nas relações interprivadas. Revista Direito e Inovação, v. 1, n. 1, p. 62-74, Jul. 2013.

ROSA, Angélica Ferreira; SOUZA, Pollyanne Regina de. Fome: excludente do princípio da dignidade da pessoa humana. Revista Direitos Sociais e Política Públicas (UNIFAFIBE), vol. 2, n. 2, p. 90-130, 2014.

SANTOS, Leonor Maria Pacheco; SANTOS, Sandra Maria Chaves dos; SANTANA, Luciana Alaíde Alves; HENRIQUE, Flavia Conceição Santos; MAZZA, Roseane Porto Dantas; SANTOS, Lígia Amparo da Silva; SANTOS, Lílian Silva dos. Avaliação de políticas públicas de segurança alimentar e combate à fome no período 1995-2002.4- Programa Nacional de Alimentação Escolar. Caderno Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 23, p. 2681-2693, 2007.

SARLET, Ingo Wolfgang. Dignidade da pessoa humana e direitos fundamentais na Constituição Federal de 1988. 7.ed. rev. atual. Porto Alegre: Livraria do Advogado, 2009.

SARLET, Ingo. A eficácia dos direitos fundamentais: uma teoria geral dos direitos fundamentais na perspectiva constitucional (livro eletrônico). 11. ed. rev. atual. Porto Alegre: Livraria do Advogado Editora, 2012.

SARMENTO, Daniel. Direitos fundamentais e relações privadas. Rio de Janeiro: Editora Lumen Juris, 2004.

SIQUEIRA, Dirceu Pereira. A dimensão Cultural do direito fundamental à alimentação. 1.ed. Birigui,SP: Boreal Editora, 2013.

SIQUEIRA, Dirceu Pereira. Teoria geral do direito à alimentação: cultura, cidadania e legitimação. 1.ed. Birigüi, SP: Boreal Editora, 2015.

SIQUEIRA, Dirceu Pereira; FERRARI, Caroline Clariano. O direito à informação como direito fundamental ao estado democrático. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas – Unifafibe. V. 4, N. 2, 2016.

SIQUEIRA, Dirceu Pereira; CASTRO, Lorenna Roberta Barbosa. Minorias e grupos vulneráveis: a questão terminológica como fator preponderante para uma real inclusão social. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas – Unifafibe. V. 5, N. 1, 2017.

SIQUEIRA, Dirceu Pereira; POLEGATTI, Renato de Carvalho. Extradição: uma leitura sobre o viés das “penas”. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas, Bebedouro, v. 1, n. 1, 2013.

SIQUEIRA, Dirceu Pereira; VIANNA, Tatiana de Mendonça Villares. O Tribunal Penal Internacional sob a ótica contextual brasileira – avanços e retrocessos. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas, Bebedouro, v. 2, n. 1, 2014.

STEINMETZ, Wilson. A vinculação dos particulares a direitos fundamentais. São Paulo: Malheiros, 2004.

SZANIAWSKI, Elimar. Direitos da personalidade e sua tutela. 2.ed. rev., atual. e ampl. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2005.

TEIXEIRA, Silvia Gabriel. Combate a pobreza: a responsabilidade de proteger da comunidade internacional. Revista Direitos Sociais e Políticas Públicas, Bebedouro, v. 3, n. 1, 2015.

VASCONCELOS, Francisco de Assis Guedes de; MACHADO, Mick Lennon; MEDEIROS, Maria Angélica Tavares de; NEVES, José Anael; RECINE, Elisabetta; PASQUIM, Elaine Matins. Public policies of food and nutrition in Brazil: From Lula to Temer. Revista de Nutrição, v. 32, 1-13, 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais Dirceu Pereira Siqueira, Mariana Peixoto Espósito, Bruna Caroline Lima de Souza

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/deed.pt_BR